Flackernflimmern.com – Bill Kaulitz: “Dou imensas respostas nas minhas músicas (…)” // Tradução

Parte 1:

image host

“ich muss durch den monsun, hinter die welt” estas são as linhas que fizeram Bill Kaulitz e a sua banda Tokio Hotel famosa em 2005. Ao mesmo tempo, o produtor Oliver Schwabe começou a reconhecer os Tokio Hotel e ficou fascinado com eles: “o que realmente achei interessante foi que o Bill combinou todos os códigos das subculturas e, mesmo assim, tivesse lugar nos media convencionais”.
Guiado por esta fascinação, Oliver Schwabe tentou entrar em contacto com a banda. Mas falhou devido ao sucesso e à alta demanda dos Tokio Hotel: “Por essa altura, estava a trabalhar num filme e tentei contactar-te [Bill], mas não consegui”.

Hoje, 12 anos depois, Oliver Schwabe e os Tokio Hotel fizeram o documentário “Hinter die Welt” (em inglês: beyond the world), o qual estreou no Filmfestival Cologne. No contexto do painel “Beuys will be Beuys”, Bill Kaulitz e Oliver Schwabe falaram como é que construíram confiança mútua, sobre o processo de desenvolvimento e como é que usaram o filme para retratar a banda. Oliver Schwabe filmou os Tokio Hotel durante os últimos dois anos nas suas tours mundiais, no estúdio e no meio ambiente deles. Quando começaram a falar sobre trabalharem juntos, Bill convidou Oliver: “tivemos sessões no Skype e de repente o Bill disse-me: «pára de falar. Apenas vem cá. Depois vais ver o que é possível». Depois, voei directamente para o México. Cheguei à noite e voltei para o aeroporto às 6h da manhã para ver a banda chegar”. Ler mais…